Páginas

sábado, 17 de março de 2012

Eu só queria...

Eu só queria ter um lugar para fugir em meus pensamentos.
Só queria ter alguém para fugir comigo.
Só queria alguém para jogar conversa fora...
Alguém para brincar, brigar, morder, perdoar. Alguém para Amar!

Só queria ser completo. Só queria transbordar...
Mas eu percebi que ninguém é perfeito,
e que nenhuma pessoa pode nos completar.

Somente nós mesmos para nos completar. As pessoas esperam receber das outras, aquilo que outrora estava nelas mesmas...
Não podemos esperar que outras pessoas nos deem aquilo que queremos. Elas não estão capacitadas a nos oferecer algo que nós mesmos não temos capacidade de possuir!

Precisamos nos conter com o que nos é dado, pois sabemos que não podemos dar tudo o que as pessoas querem.

Mas eu só queria uma verdade em meio a tanta mentira...
Uma alegria continuada, uma flor que nunca murcha, um café que nunca esfrie, uma vela que nunca se apaga... Sim, eu sei que essas coisas são impossíveis... Por isso que as quero.

Afinal, é para isso que nós vivemos. De motivos impossíveis, até que um dia, algo impossível nos torna realidade.

Só queria que do nada surgisse o meu TUDO!


Eu só queria...

Nenhum comentário:

Postar um comentário